quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Fernando Monteiro Fernandes, Soito Sabugal.

4 comentários:

Rui Caetano disse...

original no mínimo.

David Monsores disse...

Domar o pássaro da liberdade...

vsuzano disse...

trabalhei 2 anos na Guarda, e adorei a zona centro, conheço bem soito e muitas outras pequenas localidades e aldeias da zona....algumas até que já nem devem ter ninguém a morar lá agora...

abraço

KNITTING ART disse...

ALL BEST WISHES and Greetings for your original works...

Cyrano de Bergerac

Cyrano de Bergerac
Eugénio Macedo - 1995

TANTO MAR

A Cristóvão de Aguiar, junto
do qual este poema começou a nascer.

Atlântico até onde chega o olhar.
E o resto é lava
e flores.
Não há palavra
com tanto mar
como a palavra Açores.

Manuel Alegre
Pico 27.07.2006